A tradição de enfeitar, com as flores amarelas das giestas, as janelas, as portas e fazer coroas de flores para usar na cabeça, no dia 1º de Maio. Tradição e cultura de um rito ancestral ligado à fertilidade dos campos e ao inicio da primavera, tempo de renovação da natureza.

tipo de roteiro:
etnográfico / paisagístico
vinícola / gastronómico


rota:
circular / ~12km / natur+urb / fácil+

duração da rota: 1 dia
disponível: todo o ano




.....................................

(proxima data:) 01 de Maio


inscrição / regulamento (pdf)

                 

Caminhamos, em busca das maias, para cumprir a tradição do enfeite das nossas casas com estas flores. Passando por campos e várzeas da Moita, Alfeloas, Arcos e de Anadia conhecemos a história e a etnografia Bairradina e que encontramos nos museus temáticos, etnográficos e vinícolas do museu do Vinho Bairrada e do museu José Luciano de Castro, sem esquecer outras figuras e acontecimentos. Visitamos monumentos religiosos e arte urbana e ouvimos histórias e lendas de milénios que fizeram esta região e os seus povos. Subimos ao monte Crasto para admirar toda a paisagem envolvente e descemos às caves e adegas para provar o espumante Bairrada e a gastronomia regional.